Soneto Esmeraldino

12/27/2010

Da arquibancada um tremor me abala
e tudo se explode em magia.
Em gritos de gol se avassala
um amor que é pura alegria.

É meu Goiás quem joga
na nossa dourada serra.
Seu efeito me lembra uma droga,
em um vício profundo te enterra.

Esmeraldino meu, se tu me ouves,
do alto de nossa nobre Serrinha,
escute meu pobre pedido.

Quero que se mostre gigante
em meio a tantos pequenos
e assim à honra voltemos.

Marcello G.M. Filho

https://denihilonihilum.wordpress.com

Anúncios

3 Respostas to “Soneto Esmeraldino”

  1. Rafael Says:

    Hehe, voltei a ativa, porque finalmente comprei uma multifuncional. Agora o blog vai voltar as postagens normais. Massa o seu blog, divulga mais ele aí.

    Vou linkar ele lá no meu.

    abçs

  2. Renato de Sousa Says:

    Nossa mazão bacana demais esse blog.
    Poesias e sonetos bons pra caramba mas pra esse aqui só tenho uma coisa a dizer:
    VIIIIIIIIIIILLLLLLLLAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    kkkk
    abração meu querido e malandro é o gato q já nasce de bigode akokoekaeopkaoe


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: